Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

because your smile make me live ♥

forceful, trust, connected & discovering the wonders of the universe ✨

because your smile make me live ♥

forceful, trust, connected & discovering the wonders of the universe ✨

09
Mai20

Hapiness Continues

alma de bii yue

Hapiness Continues ... levou-me ao momento em que na rtp1 vi o concerto de londres, no cinema vi pela primeira vez o concerto 3D com uma amiga, o momento que comprei o livro e o meu primeiro cd, quando criei o blog e o orgulho que foi durante muito tempo estar no top 5 de pesquisa no google. Tantos anos, músicas em repetição, coleções, histórias, memórias, momentos com determinadas músicas, o sonho de os ver um dia, até ter sido destruído e depois voltar a ser possível. Ver mais um concerto, os depoimentos, as músicas, especialmente as mais antigas atingiram o meu coração. No meio de andar a dançar e a cantar pelo quarto com as lágrimas a escorrer de alegria, nostalgia, bastante emoção. 

Crescimento aconteceu, mas ficou na história e isso traz o peso e a necessidade de olhar para trás. De mãos dadas com a criança/adolescência que fui e a mulher adulta que sou hoje. Nostalgia e saudade, mas grata e feliz. Voltar no tempo têm o poder de curar a alma, mete medo mas é o caminho. O que vivi, o que passei, o que senti, o que me tornei, o que sonhei. Muita coisa vêm à tona, a felicidade, a histéria, o que foi criado, os olhos a brilhar, aquela luz de inocência, os medos, as inseguranças, as sombras, a escuridão da adolescência. Mas esta tudo bem.

07
Mai20

Desafio dos passáros - Cantas bem, mas não m’encantas!

alma de bii yue

A vista que se tinha na montanha era linda e vasta. Uma mistura de verdes da vegetação e do cinza das rochas. O silêncio longe da sociedade, apenas o som dos bichos da natureza, o vento a assobiar.

Vivia para aqueles escapes. Fugir do ritmo frenético da cidade e ir para as montanhas passear. Descalçava-se para sentir a terra e ervas em contacto com a pele, ouvia o pulsar de vida ao seu redor, dançava ao ritmo do vento a abraçar o seu corpo. Cantarolava ao ritmo das aves que iam sobrevoando.

Ela estava tão envolvida no seu mundo, que ao ouvir ao longe as palavras "Cantas bem, mas não m’encantas!", tropeçou numa pedra e caiu numa poça de água. Era o hippie que recentemente tinha mudado a sua rota de treino na montanha para a que ela tinha. Mais um dia a meter-se com ela, numa tentativa falhada de esconder os sentimentos que não conseguia revelar. E naquele momento, ela tomou uma decisão!

04
Mai20

Desafio do conto

alma de bii yue

Novo desafio, como não resistir.... Tudo começou pela pela Ana, passou pela amor líquido e agora cabe-me a mim continuar a história!

(Desafio o José da Xã a continuar. Aceitas?! Nota que a história deverá ter, no máximo, 200 palavras, e não te esqueças de usar a tag desafio do conto, para ser mais simples encontrarmo-nos. IMPORTANTE: copia o texto TODO, para o teu post ter o conto todo).

" Era uma vez uma jovem mulher, de seu nome Clariana, que pastoreava gansos. Ela era o primeiro ser vivo que os gansos reconheciam, desde tenro berço, e eram lhe totalmente fiéis. Aprendera com o avô todos os segredos desta mestria.

Clariana era a mais velha de três irmãos, todos eles filhos de Izabel e João Bernardo. Uma família de origens humildes que ocupava os seus dias na tranquilidade do campo, entre a lavoura do trigo, da batata, e a agropecuária. Izabel ocupava-se de todos os assuntos relacionados com a atividade económica do que produziam, contando com a ajuda de Clariana no terreno, junto dos animais, e Juca, a forma carinhosa como o pai era tratado, debruçava-se sobre a contabilidade da família. Os gémeos Tiago e Guilherme eram ainda pequenos, pelo que o seu maior contributo era a alegria constante que ofereciam àquela herdade. Construída em 1950, tinha sido herdada pela filha do avô Eurico.

A vida era pacata, a rotina de vida campestre pouco variava até um dia, que Clarissa estava a alimentar os seus gansos e vê um vulto a esconder-se por entre as árvores. Com o coração a bater de medo, mas com a sua faceta corajosa a vir ao de cima, começa a caminhar devagar e numa tentativa de fazer barulho. O vento fazia com que as folhas batessem umas nas outras, os gansos grasnavam baixinho. O vulto parecia estático e Clariana tentava movimentar-se silenciosamente, sentia o suor frio a escorrer pela sua pele, o seu corpo tremia com o medo e adrenalina. Estava bastante perto do vulto quando os gansos começam a grasnar alto e entram em luta uns com os outros, com o susto ela manda um grito, olha na direção dos gansos e quando volta o seu olhar para as árvores não podia acreditar no que via.

03
Mai20

10 Coisas que aprendi com este Isolamento Social

alma de bii yue

A nala lançou este desafio e achei tão engraçado, mas também me obrigou a pensar sobre estes 47 dias de quarentena obrigatória. 

  • Aprendi a apreciar ainda mais o silêncio e o sossego e tomar consciência do quanto preciso deles na minha vida.
  • Acordar com o sol é vida e só me faz ter noção do quão é importante na minha vida. Tenho a sorte de ter o quarto voltado para nascente e poder desfrutar dele durante toda a manhã. Nos dias que não aparece, o meu mood fica mais apático e melancólico. 
  • Sou capaz de estar sozinha e comigo mesma. 
  • Aprendi a ouvir-me verdadeiramente, tanto a nível físico, como a nível psicológico e espiritual. Há dias que não são fáceis, surgem perguntas e insights do nada, crises existênciais, mas estou a trabalhar para ir encontrar o equilíbrio.
  • Sinto falta do contacto social, de ir trabalhar e conviver com pessoas. Sinto falta dos abraços, dos carinhos, do amor dele.
  • Ter saúde e saber que as pessoas com quem nos importamos também estão, é um alívio.
  • Criatividade e procrastinação andam de mãos dadas e é um linha muito ténue entre as duas.
  • Sentir o ar fresco ao final do dia é uma sensação de conforto e faz-me apreciar ainda mais as pequenas coisas.
  • Ainda bem que existe a tecnologia e as pessoas uniram-se bastante neste tempo de isolamento social.
  • Self-care, permitir termos tempo para nós mesmos e fazer o que nos alegra a alma, é necessário e importante. A sensação que provém daí é o que ajuda a tolerar o dia-a-dia.

01
Mai20

Olá Maio

alma de bii yue

Como assim podemos dizer que passamos o mês de Abril e 2020 em isolamento social. É irreal, mas já passou e passou rápido. Foi um mês que me colocou à prova a diversos níveis, a decisão desentoxicar o meu corpo e ver como irá reagir (que não tem sido da melhor maneira, viver em constante tpm é pesado), o fim de dois programas que me mudaram e transforamaram, a visualização de por onde tenho que ir à nível pessoal, ter que lidar com sentimentos e emoções por estar (quase sempre) 24/7 dentro de quatro paredes, estar sozinha e longe das pessoas que amo sem possibilidade de contornar. Altos e baixos, confrontações, realizações, descoberta. 

Maio é um mês para descobrir uma nova rotina, uma nova forma de voltar à vida. Viver um pouco mais a liberdade, mas continuar a ficar em segurança. Só espero que a humanidade tenha consciência e gradualmente tudo comece a acalmar. Vai ser estranho, temos hábitos que estão bem entranhados e agora temos que pensar, porque sem darmos conta podemos estar a fazer algo que não é seguro para nós ou para os outros. 

O que peço? Que sejas carinhoso, que tenhas segurança, que tragas saúde, que venhas com um pouco mais de vida, que mostres mais ensinamentos.

Namaste!

Time Flys Away ☽ ☾

Pág. 2/2

prazer, entra neste cantinho virtual 💌

2E0A6715
biiyue
uso as palavras e imagens para me expressar. a jornada de desenvolvimento e cura pessoal é a luta e motivação para descobrir do que mais sou capaz.
põe-te confortável
se ressoar, sê bem-vind(o-a) e fica o tempo que precisares 🌟
🌈 💮 🦉
conhece o meu trabalho holístico
⬇️
blog:🌛 🌝 🌜

descobre-me

foto do autor

Parceria/Colaboração

contacto: helenabeatriz12@sapo.pt

baú de recordações

    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

you're doing great! ♥

vibes ✨

pesquisa e encontra

Instagram

youtube channel

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais de mim no mundo social

Eu Sou Membro
O melhor presente desta comunidade ♥

Em destaque no SAPO Blogs
pub