Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

because your smile make me live ♥

so strong, so broken

because your smile make me live ♥

so strong, so broken

03.Jun.17

Hábitos Criados

Neste último ano muita coisa mudou... Confortada a ver-me sozinha e obrigada a aprender a lidar, genuinamente, comigo própria. Aos poucos comecei a dar os primeiros passos e ver qual caminho devia seguir, virar-me para mim própria, pôr-me em primeiro lugar e lutar pelo que quero e me faz feliz

"Treat yourself right", uma frase tão bem conhecida e é das melhores coisas para ajudar o ego e o ânimo. 

Desde há 4 anos que comecei a praticar pilates e para além de ser uma maneira de descarregar energias, é a tentativa de voltar a ter o corpo e peso de há uns 6-8 anos atrás. As diferenças notam-se, apaixono-me mais por mim e há dias que é realmente gratificante ver-me ao espelho e gostar do reflexo.

A alimentação saudável sempre foi o meu maior problema, sou bastante esquisita e juntando a ansiedade/stress tanto me pode dar para comer, como simplesmente me esquecer e acabo por saltar refeições. É outra batalha, a tentar construir hábitos saudáveis aos poucos. Um pouco mais de fruta, especialmente em batidos que viraram os meus favoritos, um pouco menos de fast-food, tentar passar alguns dias sem o acuçar diretamente dos doces. Quanto a legumes é uma outra batalha bastante difícil de entrar.

A minha infância/adolescência não foi fácil, patinho feito com problemas ortodônticos, acne bastante agressivo, baixa auto-estima. O primeiro ficou resolvido, mas fiquei com os tiques que são involuntários e bastante dificeis de corrigir. Os problemas de acne deixaram marcas na minha pele e ainda hoje tenho crises. Enfrento uma batalha constante contra pele bastante oleosa a seca por umas horas para voltar novamente ao mesmo. Perdi a conta a quantos cremes do mercado experimentei e passado uns tempos a minha pele habitua-se por isso não tenho os cremes milagrosos ou o corretor para a situação. Quando penso que estou a descobrir a rotina quase certa, o meu corpo decide pregar-me uma partida e volto novamente à estaca zero.

Aqueles momentos completamente sozinha comigo mesma, escapar da realidade por uns momentos. Conseguir sentir-me realmente bem comigo própria e diminuir nem que por uns instantes as saudades. Fazer o que realmente gosto, no que sinto que sou realmente boa. 

Não é fácil este palavreado de "Treat yourself right", há alturas que até me gosto de arranjar e outras que sou completamente preguiçosa e descuidada. Admiro aquelas pessoas que conseguem cuidar-se de si todos os dias, ter paciência para maquilhar-se, conseguir ter aquela coragem de procurar as roupas certas e sair à rua naquele look que faz suspirar.